sexta-feira, maio 30, 2008

tudo-ao-mesmo-tempo-agora




Eu aqui tentando bancar a diferente, e sendo igual a tanta gente que pensa assim como eu. Tola. Eu que queria que os amigos distantes, apesar de bem longe não sumisse por muito tempo, porque as vezes eu sinto tanta falta que até perco o ar. E queria agora estar indo pra casa da minha irmã pra comer brigadeiro e assistir gilmore, pois é, a felicidade as vezes está em prazeres simples. São tantas coisas acontecendo tudo ao mesmo tempo e a falta de gente por perto me dá um medo. Não que eu precise de telespectadores, só de amigos. Amigos que as vezes transcendem o que a palavra amigo significa. Tenho tanta coisa aqui dentro e adoraria colocar muitas delas para fora, mas não consigo. Não necessariamente falta de coragem, e até pode ser isso, só que agora fica difícil escrever ou falar sobre. Não, não há nada de ruim acontecendo, é o de sempre, estou em reforma. Distribuindo novos materiais, desembrulhando peças, escolhendo lugares, e me desfazendo de moveis velhos. Sou ser em construção. Em eterna reforma que as vezes decreta recesso e outras anda com todo gás. É isso, estou trabalhando aqui dentro e preciso ficar muito atenta para evitar acidentes e desperdício.






2 comentários:

ROÍDAS E CORROÍDAS disse...

Adoro vim aqui, pois encontro sempre em suas palavras meus pensamentos
te amo

Diego Couto disse...

??